Biobanco

biobanco

SOBRE O BIOBANCO

O Biobanco do IMT-USP foi criado em 2014 e está disponível para amostras de tipos de materiais humanos como tecidos, soro, sangue, RNA, DNA, entre outros, de acordo com as normas Conselho Nacional de Saúde.

O Biobanco do IMT-USP está instalado nas dependências do instituto.

O Biobanco tem por objetivo armazenar materiais biológicos, tais como tecidos, células, líquidos biológicos e material genético de amostras provenientes dos laboratórios deste Instituto, previamente aprovados pela Comissão de Pesquisa e Ética do IMT e pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (CEP FMUSP), ou ainda pela Comissão de Ética para Análise de Projetos de Pesquisa do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (CAPPesq).

Alternativamente, o Biobanco poderá incorporar material biológico colhido inicialmente para a realização de testes diagnósticos. Após a utilização do material biológico para esta finalidade, e cumprido o prazo legal para que sejam solicitadas contra-provas dos testes diagnósticos realizados, o material biológico passará a fazer parte do acervo do Biobanco, desde que tenha sido explicitamente autorizado mediante a aplicação de Termo de Consentimento Livre e Esclarecido específico.

A estrutura do Biobanco do IMT-USP apresenta até o momento 5.000 amostras biológicas (dados referentes a dezembro de 2014).

COMISSÃO

Prof. Dr. Paulo Cesar Cotrim
Coordenador

Dr. Andrés Jimenez Galisteo Jr.
Dr.ª Lea Campos de Oliveira
Dr.ª Maria Cristina Domingues da Silva Fink

CONTATO

Adriana Gama
Secretária

(11) 3061-7011
biobancoimt@usp.br

PERGUNTAS E RESPOSTAS

1. O que é o Biobanco do IMT? Qual a sua finalidade?

Um Biobanco é uma comissão composta por pesquisadores que se destina a gerenciar as amostras biológicas que são depositadas no Biobanco do IMT. Estas amostras, uma vez depositadas passam a ser de responsabilidade do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo. A finalidade de um Biobanco é armazenar amostras que poderão ser utilizadas em futuros projetos de pesquisa.

2. Como possa doar minhas amostras ao Biobanco?

3. Como cadastro as amostras no SCA-IMT?

4. Como solicito amostras ao Biobanco?

5. Após eu depositar as amostras no Biobanco do IMT, como as amostras serão utilizadas em projetos de pesquisa?

Qualquer pesquisador somente poderá ter acesso às amostras armazenadas no Biobanco após o seu projeto de pesquisa ser aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa do IMT. Este comitê assegura o cumprimento dos princípios éticos existentes na legislação brasileira e que devem ser seguidos por todo o pesquisador que utiliza amostras de seres humanos de Biobancos.

6. Como ficarão estocadas as amostras biológicas?

A princípio as estocagem e guarda das amostras será feita pelo próprio pesquisador. Todas as amostras deverão ser devidamente cadastradas no Sistema de Cadastro de Amostras do IMT (exames.imt.usp.br), acondicionadas em tudo especial, dotado de um código de barras que preserva a identidade do doador. As amostras deverão ficar estocadas em condições apropriadas para preservação adequada sendo: Sangue, soro, DNA e RNA a -80ºC e outras amostras com características específicas devem ser armazenadas a -196ºC.

7. Qual o critério para utilização das amostras em pesquisa?

As amostras ficam congeladas até serem solicitadas e aprovadas pela Comissão do BioBanco. O pesquisador deverá solicitar as amostras que devem corresponder somente às necessidades de seu projeto.

LINKS